Spiga

Soco de Técnico é normal


Assistindo ontem o desfecho do caso do técnico de natação que bateu na filha, lembrei do Alex Rossi (ou Alex Raça), que defendeu o Avaí no final dos anos 90. Num jogo pelo campeonato catarinense, ele declarou para a imprensa como tinha se preparado no vestiário para o segundo tempo, uma vez que tinha feito um primeiro tempo displicente:
_ Bem eu pedi pro professor Cuca me dar um soco, pra eu ficar ligado!

Alex voltou, fez um gol, e ao comemorar, correu em direção ao técnico Cuca. Ambos deram um salto em direção ao outro, e trobaram numa peitada. Bastante primitivo...

E no final do jogo, chorando copiosamente:
_ ... Porque ninguém acreditava no Raça (ele), e taí ó, fiz o gol da Vitória...

Quem sabe não tenha acontecido o mesmo com a nadadora....

ps.: Cuca, meses depois, dirigiu a Inter de Limeira e foi demitido após dar uns sopapos no vestiário em um jogador que fazia corpo mole.

1 comentários:

  melo

1:13 PM

Neguinho fazendo corpo mole é foda!

Postar um comentário