Spiga

Travessuras do Imperador - evento n. 5846

Adriano admite que exagerou na bebida

Adriano resolveu desabafar ao jornal italiano "Gazzetta dello Sport" neste sábado e revelou o motivo de ter caído tanto de produção no Inter de Milão: na última temporada, exagerou no consumo de bebida alcóolica.

Segundo o Imperador, flagrado várias vezes pela imprensa italiana se divertindo em boates e com garrafas na mão, a bebida era uma maneira de tentar se livrar da solidão.

- Por que eu bebia? Porque me sentia só. Depois da morte do meu pai e da separação de Daniela (ex-namorada, mãe de seu filho Adrianinho), eu me refugiei no álcool - revela.

Em fevereiro, uma revista italiana divulgou fotos de Adriano bebendo

Almir, pai do atacante, morreu em 2004, poucos dias depois de Adriano ser campeão da Copa América com a seleção brasileira.

O rompimento com Daniela aconteceu antes da Copa do Mundo do ano passado, quando ela ainda estava grávida.

- Não fiz mal a ninguém, nem ao time, nem à sociedade, nem a quem gosta de mim. Errei muito, mas nunca quis prejudicar ninguém - afirma.

Segundo Adriano, o principal apoio que recebeu para superar a fase difícil veio do presidente do Inter de Milão, Massimo Moratti.

- Ele me ajudou muito e agora quero retribuir. Estou trabalhando muito para ganhar uma chance com Mancini (técnico). Sei que será difícil conseguir uma vaga no time, mas vou me esforçar - conclui.
Globo Esporte

1 comentários:

  Anônimo

5:06 PM

Renato, o selo de homologacao do folclore da bola no blog do Trevosk nao eh um link??!!? Recomendo correcao do equivoco!

Postar um comentário