Spiga

A foca se deu bem

Coelho é suspenso por 120 dias

O lateral Coelho está suspenso por 120 dias pela expulsão no clássico com o Cruzeiro, no último dia 16, no Mineirão. Ele foi julgado na tarde desta quarta-feira pela 3ª Comissão Disciplinar do Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD), por conta de uma falta dura no meia Kerlon, que aplicava o polêmico drible da foca.

Coelho foi citado no artigo 253 do CBJD - praticar agressão física – e poderia pegar de 120 a 540 dias de suspensão.

Logo no início do julgamento, que começou às 19h, a mesa vetou a prova de áudio que o advogado Roberto Vasconcelos levou. Segundo ele, seria um depoimento que ajudaria a provar que seria impossível parar o drible da foca sem cometer falta. Porém, os auditores disseram que não deveriam ouvir opiniões. Na prova de vídeo deferida, o advogado mostrou uma imagem de Kerlon provocando a torcida do Atlético.

Quando a mesa concedeu a palavra ao lateral para falar sobre a jogada e se defender, ele disse que não quis machucar Kerlon.
"Foi uma falta dura, forte, passei um pouco do limite. Mas não quis agredir. Com a bola no alto, é muito difícil desarmar Kerlon."
Coelho, lateral do Galo, em seu depoimento

- Foi um lance de jogo, mas não dei pontapé, nada disso. Dei um tranco para não deixar que ele entrasse na área. Foi uma falta dura, forte, passei um pouco do limite. Mas não quis agredir. Com a bola no alto, é muito difícil desarmar Kerlon, que estava rápido, entrando na área. É melhor parar a jogada com o ombro - explica Coelho.

O advogado de Coelho iniciou sua defesa destacando a rivalidade entre Atlético e Cruzeiro.

- Ninguém quer diminuir a jogada de Kerlon, chamada de malabarismo. Sim, a falta foi forte. Mas seria uma falta que passaria despercebida se não fosse a repercussão dada. A procuradoria chama o atleta de brucutu. Isso passa do bom senso, dos limites legais. O clube já pediu que esse termo seja retirado da denúncia - reclama.

O voto final foi dado pelo presidente da mesa, Mario Antônio Dantas de Oliveira Couto, que decidiu suspender o atleta por 120 dias.

Globo Esporte

0 comentários:

Postar um comentário