Spiga

Times que você nunca viu: Vitória de Hortolândia

Quando você lembrar de pesquisar sobre o SEV, o clube já vai ter mudado de nome...

Depois do reconhecimento por parte da Federação Paulista de Futebol, que confirmou o SEV como um time biônico, aparece mais indícios que revelam que o clube, fixado irregularmente na cidade de Hortolândia passou por cima de mais uma regra que figura no código da entidade que rege o futebol paulista.

Segundo o advogado Edílson Gonçalves, do Hortolândia Esporte Clube, o time biônico infringiu o artigo da FPF que diz que um clube deve ter campo registrado na entidade. Tudo na confusa fusão com o Votuporanga. Com isso, fica evidente o comprometimento do SEV (antigo sociedade Esportiva Votuporanga) com a Federação, que em 2006, teve como rebaixados à Segunda Divisão, quando na verdade, o time forasteiro deveria ter caído. Mas virou agora SEV (Sociedade Esportiva Vitória).

De tal forma, os clubes prejudicados por esta manobra fora das quatro linhas têm condições cabíveis de entrar com um processo para pedir a queda do time biônico. Isso porque na FPF consta ainda, que para mudar a localização da cidade é preciso ser feito no prazo de 30 dias, e neste caso foi feita em oito meses, desqualificando o clube da disputa.

Processos contra clube e prefeitura

Ainda corre no fórum da cidade um processo contra o clube, pois usou um nome e o logotipo do clube amador da cidade, o que por lei é considerado plágio. Outro fato lamentável foi o número de nomes que o clube utilizou, dentre os quais estão: Social Esporte Hortolândia, Sociedade Esporte Vitória, Sociedade Esportiva Votuporanga etc... comprovando que é um clube sem nome próprio.

O prefeito de Hortolândia, ângelo Perugini (Partido dos Trabalhadores - PT) e o presidente do clube, José Cosme Siqueira dos Santos ( foto), figuram como réus no processo de número 1812/2006, movidos pelo Hortolândia Esporte Clube. Cosme é diretor da empresa de remédios SEM, situada na cidade há uma década.

Outros trâmites comprovam o facínora que é o mandatário do clube, como a apreensão dos uniformes do time na cidade de São Paulo, quando Cosme foi intimado a comparecer na delegacia para explicar sobre os mesmos e não deu as caras no local.

Futebol Interior

2 comentários:

  Anônimo

10:58 PM

Eu sou morador da cidade de Hortolândia e aprovo a vinda do SEV aqui pra cidade, acho legal nossa cidade ter um time proficional, o Hortolândia Esporte Clube tá com inveja porque é um time amador e não tem visibilidade.

Pra mim o SEV deveria parar de mudar de nome e passar a se chamar definitivamente ''Sociedade Esportiva Hortolândia'' e regulamentar tudo para que possa parar de ter problema fora ou dentro de campo.

  Anônimo

11:21 AM

O SEV pelo que vimos, vive na ilegalidade como podemos apoiar aquele que usa o nome dos outros, isto é muito errado, o Pitarelli que era o presidente do clube foi para outra cidade, Bragança Paulista/SP, mostrando que ele proprio que fundou o clube saiu de cena, ou seja, antes que o navio afunde...

Postar um comentário