Spiga

Uma gelada com o Mafra

Fazendo o tradicional esquenta no bar do Chapecó antes da despedida do Avaí da Série B, dei espaço em minha mesa a uma família que depois vim a saber se tratar dos netos e do avô Mafra, personagem da história do Avaí e Figueirense.
O Mafra é uma figura muito comunicativa e simpática, com sua experiência de 82 anos de vida. Dividi com ele algumas Antarcticas, enquanto me contava as histórias do seu tempo de atleta.
Sua carreira é muito peculiar: defendeu o Figueirense como goleiro, pegando pênalti em clássico e atuou como lateral do Avaí, marcando um gol também num clássico. A história ele narra, com muito orgulho, no video abaixo:




Mafra ainda contou que seu ídolo era o Adolfinho, segundo ele maior goleiro de todos os tempos. Lembrou também que na época recebeu proposta para defender o Santos, porém desistiu da idéia para não abandonar sua noiva. Seus netos, agradecidos, estavam ao lado para conferir a história.

Se o Rogério Ceni pensa que é muito versátil, é porque não conheceu o Mafra!

3 comentários:

  123 Campinas

10:52 AM

Conheço seu Mafra a muito tempo, sou filho de um grande amigo dele, seu Deodato josé Gil. Seu Mafra é uma pessoa maravilhosa,divertida e um grande avaiano.
Mafrinha coisa lindaaaaaaaaaaaaaa.
Márcio Luiz Gil

  Alexandrino Barreto Neto

1:38 PM

Mafra,Goleiro?Atacante?
Não, Mafra antes de tudo é uma figura humana fora de serie.
Não perde um jogo do seu Avai.Torce como um "lorde".Foi e continua sendo um "CRAQUE".
Quero ter a satisfação em receber no dia 11,ali na Ressacada,onde será lançado o livro histórico do Avai.
Abraço "seu" Mafra.

  eduabreu

11:37 AM

Como um dos netos do Seu Mafra, sou suspeito para falar, mas trata-se de uma figura humana espetacular. É um homem sensacional, carismático e apaixonado pelo Avaí. Qualidade esta que passou para todos os seus filhos e netos. Quem tem o privilégio de o conhecer sabe o que estou falando. Grande beijo meu avô.
Eduardo Abreu

Postar um comentário