Spiga

Quem foi o Mais Folclórico?


O programa Esporte Espetacular vem fazendo uma interessante matéria comparando ídolos do passado: Careca x Bebeto, Romário x Ronaldo, Edmundo x Renato Gaúcho. Técnicos, imprensa e outros falam de seus preferidos. Esta semana o confronto é entre Sócrates e Raí.
O problema é que tais disputas ficam reduzidas aos aspectos técnicos. Questões folclóricas, fundamentais nos comparativos, ficaram de lado. Veja alguns exemplos de pontos não computados, que enriqueceriam em muito a análise:

  • Ronaldo foi apanhado com travestis
  • Romário mandou o Pelé enfiar um sapato na boca
  • Renato Gaúcho traçou uma fã no banco de reservas durante um treino
  • Careca gravou uma reportagem fantasiado de Rambo. A atuação foi impecável, a ponto de tremer os braços com o impacto dos tiros de metralhadora.
  • Raí gravou um videoclipe com a Paula Toller
  • Bebeto teve a cara de pau de dizer que seu sonho era jogar no Cruzeiro, quando foi emprestado para jogar (e perder) a final do mundial.
  • Sócrates foi contratado para jogar a 5a. divisão do futebol inglês, já (bem) após os 40 anos, com autorização de beber um whiskinho no banco de reservas.
  • Edmundo deu cerveja pra um macaco beber.

0 comentários:

Postar um comentário